Cadastra-se para receber meu conteúdo

segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Will & Will - Um Nome, Um Destino

Olá pessoas. estou trazendo mais um livrinho fresquinho...

Will & Will - Um Nome, Um DestinoEste livro que aposto que já ouviram falar dele, foi escrito por John Green e David Levithan que são grandes escritores, todos seus livros são um sucesso e não é diferente com este.
Este livro me chamou a atenção pelo nome. E inicialmente li a sinopse e sabia que contava a história de dois garotos com nome de Will, porém demorei a começar a ler e quando isso aconteceu eu esqueci deste detalhe e lá pro capítulo dez que percebi que tinham dois personagens com o mesmo nome. Que lezera, né?!

A história é contada pelos dois Will, porém cada capítulo é de um.
Will Grayson 1 é um garoto problemático por causa da separação dos seus pais, tinha que tomar remédios para depressão e etc. Não tem amigos praticamente, somente Maura, uma garota que quer algo dele além da amizade. O único momento feliz era quando chegava em casa depois da escola e conseguia conversar com seu amigo Isaac pela internet. Essa amizade ficou cada vez maior e Will guarda um segredo em que somente compartilha com ele. Sua homossexualidade...

Will Grayson 2 seria um garoto normal como qualquer outro, se não fosse seu melhor amigo que é gay assumido. É tão engraçado ele contando o quanto Tiny é gay. A parte desse personagem me tirou várias gargalhadas e é o que me fazia pensar no livro o dia inteiro. Além de Tiny, era amigo de outros garotos também homossexuais o que fazia todos da escola pensar que era namorado de um deles e isso não é problema pra Will. Em comum conheciam Jane uma garota que estaria interessada em Will...

A história fica muito interessante quando os dois Will's se encontram por acaso. Para ambos, o dia não terminou como esperavam e lamentavam por algo incluindo Jane e Isaac.
A história toma um rumo que eu não esperava.

Como já tinha citado o personagem Tiny é o famoso galã do livro. A cada 15 minutos estava apaixonado por um alguém, divertido, alto astral e um amigo de verdade. Ele criou um teatro musical onde contaria a história de sua amizade com Will Graysson, porém da sua forma.

"É basicamente a história de vida de Tiny levemente dramatizada, só que cantada, e é - e eu não uso esse adjetivo levianamente - o musical mais gay de toda a história da humanidade. O que não quer dizer que ele seja ruim, Só estou dizendo que é gay."

Há vários acontecimentos nos preparativos para o musical e confesso que nesse período o livro fica um tiquinho cansativo, porque estamos ansiosos para saber como é o tal musical, mas também não queremos que chegue logo por que sabemos que logo após o musical o livro termina. Encruzilhada!!!

Bom, este livro é lindo pela sua história, mas é mais lindo ainda pelo o quê ele quer nos passar. No fundo ele fala de amizades, lealdades e amor. Não tenho mais palavras pra descrever sobre o que este livro fala, somente lendo para saber.

"Penso em quanta coisa depende de um melhor amigo. Quando você acorda de manhã, senta, põe os pés no chão e se levanta. Você não escorrega até a borda da cama e olha pra baixo para se certificar de que o chão está lá. O chão está sempre lá. Até o dia em que não está."