Cadastra-se para receber meu conteúdo

sexta-feira, 27 de maio de 2016

Um mais um - Jojo Moyes



Olá Pessoas!
Este livro me encantou como todos os outros desta autora. Se algum livro tinha que virar filme, então deveria ser este.


Jess Thomas é nossa personagem principal. Foi casada com Marty, e tiveram uma filha. Tanzie, uma garotinha esperta e muito inteligente. Era um verdadeiro gênio da matemática já aos oito anos de idade. Marty teve um relacionamento no passado com uma drogada e teve Nicky, e nestas condições da mãe que o abandonou, Jess começa a cuidar do rapaz como seu filho.

Após alguns anos de casamentos com Marty, já estava farta das "ideias" dele para arrumar um bico, ele frustado sem conseguir fazer com suas "ideias" dessem certo, ficou numa depressão e partiu para casa de sua mãe para dar um tempo. Porém já tinha se passado dois anos, ele não se recuperava, e Jess sempre compreensiva, não exigia ajuda para cuidar das crianças.

Ela trabalhava dia e noite. Fazia faxina e também era garçonete de um Pob à noite. Sempre muito otimista, acreditava que se fizesse o bem, lógico receberia o bem. Ensinava isso aos seus filhos, sempre muito honesta e trabalhadora. Infelizmente isso não protegeu seu entiado de sofrer bulling na escola de um rapaz que era seu vizinho.

Na verdade Nicky era estranho, tinha seu estilo meio gótico, adorava preto e lápis nos olhos. Era calado, na sua e não sorria. Não se sentia aceito, ainda mais depois do que aconteceu com sua mãe e por fim com seu pai. E na escola, como já disse, recebia ameaças do garoto Fisher e seus primos, Eles não gostavam do garoto por ele ser diferente e decidiram espancá-lo, por isso foi parar no hospital com um dos olhos roxos e todo dolorido, mas a polícia não levava à sério as reclamações e não fazia nada, isso dava a eles insegurança, medo e desconfiança da polícia. Além disso todas as pessoas da rua também tinham medo do garoto, pelas maldades que ele fazia com todos ao redor.

Jess recebeu uma oportunidade de bolsa de estudo para Tanzie de noventa por cento em uma das escolas particulares melhores, porém não tinha condições de assumir aquele compromisso mesmo com aqueles dois empregos e o pai da garota apesar de perceber que era uma boa oportunidade para ela disse que não poderia ajudar.

Frustada já com a decisão de não aceitar a bolsa de estudos estava se preparando para dar a notícia à garota, quando recebe uma proposta. Teria uma prova de olimpíada de matemática na Escócia onde o prêmio daria para resolver toda a sua vida. Então na luta pra o sucesso da sua família dá um jeito para ir até o local da prova.

Ed Nicholls é um homem rico, nerd da computação e cliente de Jess. Ela que faz a faxina da sua casa, mas eles nem se encontravam, sempre que ela iria para limpar ele não estava. Porém no momento sua vida virou de cabeça para baixo, se envolveu com uma mulher e quando arrependeu, para fazer ela sair do seu pé, passou algumas informações para ela ganhar dinheiro, esquecendo ele que essas informações passadas eram ocultas e acabou sendo indiciado por passar informações privilegiadas, uma vez que a moça e seu irmão ganharam muito dinheiro. Ed acabou sendo afastado da sua empresa em que era sócio, afastado da sua casa e tendo que passar um tempo na casa onde Jess faria a faxina, assim que os dois se conheceram pessoalmente.

Na noite, onde jess trabalhava quem estava enchendo a cara e gastando suas notas era Ed. Fazia para esquecer seus problemas. Separou de sua mulher que queria arrancar todo o dinheiro dele, afastado do trabalho e indiciado. Para ele estava claro que seria preso. Além disso seu pai estava doente e já tinha bastante tempo que pediam sua visita. Neste dia, após ficar bêbado, Jess o colocou em um taxi para ir embora e quando iam viu que do seu paletó caíra um bolo de dinheiro. Jess era honesta, tinha intenção de devolver, mas no momento precisava do dinheiro para levar sua família para o outro lado do estado.

Jess pensou em tudo, arrumou as malas, os lanches, ajeitou as crianças e até o cachorro, mas não pensou no transporte. Tentou ir em um carro velho, que já estava parado na garagem há mais de dois anos, sem seguro, sem farol. Lógico que a polícia prendeu o carro, mas aí que começa ficar boa a história.

Ed vê uma mulher, duas crianças, um cachorro e algumas malas encostada em um carro velho que estava sendo preso pelos policiais, percebe que é a moça que trabalha para ele e oferece ajuda. Após saber do acontecido oferece para levá-los até o destino final, afinal estava indo naquela direção.


Depois de uma noite de sono percebe que agiu impulsivamente oferecendo ajuda, mas antes que pudesse desmarcar já se vê enrolado e acaba os levando.

Mas a viajem que poderia ser feita em um dia, eles fariam em três, uma vez que, teriam que viajar a 60km por hora, pois se fossem mais rápido Tanzie vomitava seu carro todo.

Assim começa a saga de Jess e Ed. Eles emburrados na parte da frente do carro e as crianças com o cachorro na parte de trás. Ed tentando pagar lanches e hospedagem e Jess rejeitando tudo que ele queria fazer para agradar.

A história é contada por todos os personagens de seu ponto de vista e a parte que mais gostava era quando Tanzie contava que apesar de ser muito inocente era bem esperta.

Gostei bastante da evolução de cada personagem de acordo as coisas acontecem. Quando Jess descobre alguma coisa sobre seu ex marido, como ela reage e como Ed lhe dá apoio. Como ele ensina Nicky passar por cima dos problemas e dá a dica dele escrever num blog e quem sabe encontrar sua turma. Como a fidelidade de um cão que para salvar sua amiguinha acaba sendo atropelado e sua família não o abandona e mesmo sem dinheiro e tudo dando errado arrisca salvá-lo. Como agressões podem fazer com que o medo do outro atrapalham as pessoas de voltar a viver a vida, à sair de casa e até a atender uma porta, e gostei ainda mais quando mostra que existem pessoas boas que ajudam dando contribuições para ajudar salvar o cãozinho, mostram solidariedade a um garoto gótico que se sente excluído somente por ter lido algumas linhas dele do blog e que em tempos difíceis as pessoas podem tomar decisões erradas como não devolver o dinheiro, mas depois devolver nem que se for a três prestações para uma pessoa que nem precisa do dinheiro, mas foi honesta e devolveu, mesmo sabendo que isso talvez não mudaria a confiança da pessoa que já não tem mais em você.

"As únicas coisa que importavam para Jess eram aquelas duas crianças e fazer com que elas soubessem que eram boas. Porque, ainda que um filho leve pedrada do mundo inteiro, se ele tiver o apoio da mãe, ficará bem. No fundo, saberá que é amado. Que merece ser amado."


Indico bastante este livro, amei cada parte. Assuntos relacionados à bullings, violência contra criança, abandono, drogas, estudo, gentileza, honestidade, fidelidade, esforço.