Cadastra-se para receber meu conteúdo

sexta-feira, 9 de janeiro de 2015

Insurgente - Série Divergentes, segundo livro!!! ;)

Olá pessoas!!!

Terminei esse segundo livro da série e tá cada vez ficando mais quente a coisa...

OBS: Não tem como contar alguma coisa sem dar spoiler do livro anterior Divergentes. Pare por aki ou vá para este link.


Vamos à história, então. Como ocorreu no livro anterior, Jeanine da Erudição colocou todos os membros da Audácia sobre simulação para poder acabar com os membros e líderes da Abnegação. Nisso algumas pessoas importantes para Tris morreram e inclusive ela teve que atirar num dos seus melhores amigos, o Will, o que vem sendo um problema todo este livro, pois se arrepende de ter feito, não tem coragem de contar pro Quatro e vive sonhando com a cena deste ato. Após esse acontecimento ela não tem muita coragem de atirar mais, então vira um problema, pois ela precisa lutar.

Ela percebe que os membros da Abnegação tentava revelar algo que a Erudição estava escondendo e protegendo, mas que mudaria toda a história daquele povo, mas Quatro e o restante dos amigos que estavam com ela não deram crédito a isso, não achavam tão importante revelar a verdade, somente a derrubar Jeanine.

Tris, Quatro, Caleb (de Tris) Marcus e Peter tentam se refugiar na sede da Amizade, Porém lá eles não tem a liberdade necessária.
Tentam refugiar-se também com os sem facção, porém lá encontram uma pessoa que Quatro não quer se misturar. Lá nesse refúgio Tris se dá conta que os sem facção na verdade também estão unidos como uma facção, porém não tem nome e como a Audácia todos sabem lutar, mas não o faz entre os membros.
Lá ela encontra um antigo membro da Audácia e inclusive ele é líder e é respeitado.


"Estamos em um depósito dos sem-facção, e os sem-facção, que deveriam ser espalhados, isolados e sem comunidade... estão juntos dentro dele. Eles estão juntos, como uma facção,"


Outro problema que acontece é que Tris e Quatro estão com o namoro firmado, porém ambos escondem coisas um do outro, mas ao mesmo tempo exigem que não há essa ocultação.

Muitas coisas acontecem, este livro é muito mais movimentado que o primeiro. Tris decide muita coisa sozinha, mais de uma vez, achando que é a coisa certa a fazer, e acaba acertando mesmo.

E então pode esperar muita tensão neste livro. Muitas mortes, melhor não apegar em nenhum personagem...

Aqui também conhecemos mais das outras facções. Pois de início fica uns tempos com a Amizade, depois com a Fraqueza, um pouco na Erudição, volta pro complexo da Audácia e etc.

"Às vezes, sinto que estou colecionando as lições que cada facção tem a me ensinar e guardando-as em minha mente, como um guia para me virar no mundo. Há sempre algo a aprender, sempre algo que é importante entender"


Enfim, o final foi surpreendente, nada esperado, aliás nada que acontece aqui é esperado, tudo é uma surpresa. Ela tem que agir cotra a autoridade e assim é chamada de insurgente:

"-Insurgente. substantivo. Uma pessoa que age em oposição à autoridade estabelecida, mas que não é necessariamente considerada agressiva."


  •  Super recomendo, mas ler este sem ter lido o primeiro não tem graça.